Horário de inverno: prós e contras no descanso

Nov 27, 2022 | DESPORTO | 0 comments

Dependendo de onde viva, é possível que note mais ou menos diferenças na hora de dormir com um horário ou outro. Mas, o que causa estas diferenças? E, quais são os benefícios e os inconvenientes de um horário ou de outro para o nosso descanso?

A luz e a escuridão são fatores fundamentais na regulação do nosso descanso. Estas afetam a forma como nos sentimos e o quão despertos nos encontramos. Mas, o que dizer do horário de inverno? Explicamos-lhe os seus prós e os seus contras para o descanso.

Os nossos horários internos

Os seres humanos estão programados para dormir quando o sol se põe e despertar quando este nasce. É por isso que, sobretudo quando se produz a mudança da hora de um horário a outro, o nosso descanso tenha tendência a ver-se afetado. Mas, é diferente como nos afeta o horário de inverno, e como o faz o horário de verão?

As vantagens do horário de inverno 

Tal como explica a Sleep Foundation, o horário de inverno poderia ter muitas vantagens sobre o horário de verão, e é por isso que muitos especialistas se perguntam se o melhor seria mudar para este horário para sempre.

Isto poderia evitar que tivéssemos de nos preocupar por perder uma hora de sono, assim como nos sentirmos cansados após fazer o adiantar da hora. De fato, os benefícios de ter um horário de inverno para sempre poderiam ser mais do que aqueles em que pode estar a pensar.

Em primeiro lugar, iríamos reduzir as interrupções de horário, ao ter que recordar isso de adiantar os relógios uma hora. Ainda que hoje em dia todos os nossos dispositivos façam essa mudança de forma automática, a verdade é que esta mudança de hora pode levar a confusões, além de ter um impacto no nosso estado de alerta, rendimento, estado de ânimo, segurança e saúde. 

De fato, para que o nosso relógio biológico se ajuste à nova hora, pode passar até uma semana. Durante este tempo podemos enfrentar um maior risco de sofrer um ataque cardíaco, um acidente cerebrovascular, e incluso um maior risco de acidentes, tal como indicam investigações recentes

Quais são os prós no nosso descanso?

A principal vantagem de utilizar o horário de inverno para sempre é simples: um maior número de horas de escuridão, que se podem traduzir facilmente num maior número de horas de descanso. 

Tanto é assim que a Academia Americana de Medicina do Sono recomendou em 2020 que se estabeleça o horário de inverno durante todo o ano. A razão é que este horário se alinha com o ritmo circadiano intrínseco dos humanos, e a interrupção desse ritmo, da mesma forma que com o horário de verão, é associada com um maior risco de síndrome metabólico, enfermidade cardiovascular e depressão.

Contras do horário de inverno no descanso

No entanto, nem tudo são vantagens durante este horário. O feito de que escureça mais cedo cada dia pode ser positivo para o nosso ritmo circadiano, mas também faz com que passemos menos tempo ao ar livre (pelo feito de não poder aceder às horas de luz) e, portanto, obtenhamos menos vitamina D.

A falta de luz solar no inverno também pode provocar um transtorno chamado transtorno afetivo sazonal.  

O transtorno afetivo sazonal

Este transtorno é um tipo de depressão relacionada com as mudanças de estação, e costuma começar com a mudança de horário de inverno. Na maioria dos casos, os sintomas do transtorno afetivo sazonal aparecem a finais do outono ou princípios do inverno, e desaparecem quando começa a primavera e o verão.

Os sintomas, tal como explica a Clínica Mayo, podem incluir:

  • Perder o interesse em atividades de que antes se desfrutava.
  • Sentir-se apático, decaído ou triste na maior parte do tempo.
  • Ter pouca energia e sentir-se lento.
  • Experimentar desejos, comer em excesso e aumentar de peso.
  • Problemas para dormir.
  • Ter pensamentos sem esperança.
  • Dificuldade para se concentrar.

Em concreto, os sintomas específicos do transtorno afetivo sazonal de início invernal podem incluir:

  • Mudanças no apetite.
  • Aumento de peso.
  • Sonolência diurna.
  • Cansaço ou pouca energia em geral.
Horário de inverno

Horário de inverno, horário de verão… qual é melhor?

São muitos os cientistas que se posicionam a favor do horário de inverno, de modo a melhorar a nossa saúde e o nosso descanso.

Os cientistas realçam que o horário de verão poderia fazer com que nos despertássemos antes, durante as horas de escuridão, e que o horário de inverno é melhor para o nosso descanso e para o nosso ritmo circadiano.

Além do mais, parece que o aumento de horas de luz pela tarde poderia afetar os nossos níveis de melatonina, uma das hormonas que nos prepara para conseguir adormecer.  

E você? Que horário prefere? Agora já sabe que o horário de inverno tem os seus prós e os seus contras para o descanso e, como tal, é melhor ter tudo isso em consideração, e garantirmos que vamos dormir a quantidade de horas suficiente!